Barretos E.C. espera que TJD encaminhe nesta quarta, dia 6, processo ao STJD/RJ e cumpra os prazos

luisão e suita

 

Foto – O gerente Luisão com o coronel Suíta, da FPF

 

A equipe do Barretos Esporte Clube segue trabalhando a sua defesa junto ao STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) do Rio de Janeiro. Na segunda, dia 4, foi protocolado no TJD (Tribunal de Justiça Desportiva), o pedido formulado pelo advogado Júlio Samara, endereçado ao auditor do Pleno , o pedido do clube de recurso voluntário para o STJD. No pedido, o advogado requer a juntada do comprovante de pagamento do preparo em conformidade com a resolução do STJD.

 

Segundo o gerente de futebol do BEC, Luisão Cortillazzi, apartir do despacho do TJD, o departamento jurídico do BEC, o escritório Bitencourt & Barbosa (que tem como sócio Dr Mário Bitencourt presidente do Fluminense), o processo chega ao STJD/ RJ, que em caráter sobe pedido de urgentíssimo para analisar o mérito e colocar em pauta para próximo  julgamento, onde por ser um Mandado de Garantia o mesmo tem amparo jurídico com prazo antecipado, para que possa antes de divulgar a tabela do Campeonato Paulista da Primeira Divisão série A2 de 2020 constar se acatado o mérito o Barretos Esporte Clube.

 

Presidente Roberval Moraes da Silva, hoje também se manifestou em notícia vinculada na imprensa sobre o pedido de desistência do RBB de jogar o Campeonato Brasileiro D, onde o presidente se diz cada dia mais surpreso com os fatos, pois estão em uma briga jurídica, expondo a todos, atrapalhando planejamentos financeiros e de trabalho, e o que de Lei tem direito uma competição Nacional se dá o luxo de não participar, “então os campeonatos da FPF tem mais valor que dá CBF”