Presidente do BEC, viaja a FPF para cobrar vaga na A2

luisão e roberval

Foto – Roberval Moraes da Silva, presidente do Barretos Esporte Clube

 

Em entrevista a Rádio Jornal na manhã de ontem, o  presidente do Barretos Esporte Clube,  Roberval Moraes da Silva, confirmou que estará indo hoje para a São Paulo, acompanhado do gerente de futebol, Luis Eduardo Cortillazzi, “Luisão”,  do treinador Ricardo Moraes e do jogador João Henrique, para protocolar um Mandado de Garantia de Vaga junto ao Tribunal de Justiça Desportiva da Federação Paulista de Futebol, e também na  CBF e em último caso a justiça comum.

Segundo o presidente do Barretos Esporte Clube, Roberval Moraes da Silva, a visita até a Federação Paulista tem o objetivo de dar o ultimado sobre a ida ou não do clube a Série A2. “Nós iremos cobrar de fato a vaga que é do Barretos Esporte Clube, nada mais do que isso. Esperamos a resposta da FPF, através do presidente, do departamento jurídico e de competições, e também do presidente do Red Bull, Thiago Scuro, porém sempre escondendo algo. O tempo está passando, chega o arbitral e não dá mais tempo para o Barretos entrar com as medidas cabíveis”, afirmou Roberval.

Hoje e amanhã, a diretoria do BEC estará mantendo contatos no Sindicato dos Atletas, Sindicato dos Treinadores, Setor Jurídico da Federação Paulista e no Tribunal de Justiça Desportiva. “A gente quer que o torcedor entenda, o Barretos conseguiu dentro de campo a sua vaga, sendo o terceiro colocado na Série A3 de 2019. O acesso tem que ficar com o Barretos e não Red Bull vindo para a Série A2, e com a FPF criando leis. Estaremos lá amanhã para finalizar esse capítulo dessa novela, o Barretos tem torcida, tem estádio. Chegou a hora de bater o martelo, ou vai ou racha”, afirmou Roberval.